O Circo da Noite - Erin Morgenstern.

Título: O Circo da Noite.

Original: The Night Circus.
Autora: Erin Morgenstern.
Editora: Intrínseca.
Nota: 4,5/5

Sob suas tendas listradas de preto e branco uma experiência única está prestes a ser revelada: um banquete para os sentidos, um lugar no qual é possível se perder em um Labirinto de Nuvens, vagar por um exuberante Jardim de Gelo, assistir maravilhado a uma contorcionista tatuada se dobrar até caber em uma pequena caixa de vidro ou deixar-se envolver pelos deliciosos aromas de caramelo e canela que pairam no ar. Por trás de todos os truques e encantos, porém, uma feroz competição está em andamento: um duelo entre dois jovens mágicos, Celia e Marco, treinados desde a infância para participar de um duelo ao qual apenas um deles sobreviverá. À medida que o circo viaja pelo mundo, as façanhas de magia ganham novos e fantásticos contornos. Celia e Marco, porém, encaram tudo como uma maravilhosa parceria. Inocentes, mergulham de cabeça num amor profundo, mágico e apaixonado, que faz as luzes cintilarem e o ambiente esquentar cada vez que suas mãos se tocam. Mas o jogo tem que continuar, e o destino de todos os envolvidos, do extraordinário elenco circense à plateia, está, assim como os acrobatas acima deles, na corda bamba. (SKOOB)

Mais um livro que passou raspando da nota cinco, mas apesar de toda a sua história perfeita, ainda não foi dessa vez gente. Demorei pra ler - só pra variar um pouco, sabe -, meu ritmo de leitura está muito ruim, mas aposto que vieram aqui para ler a resenha e não minhas lamentações. Vamos ao que interessa.

Gente, o livro fala sobre uma coisa que eu amo, mas que nunca fui: circo. Nunca fui porque eu gosto de circo que tenha artistas bons, não qualquer um, assim não tem graça. Mas enfim, o livro fala sobre o tal circo da noite. Chega sem aviso, abre ao anoitecer, fecha ao amanhecer e quando você mal espera... ele já foi embora. O circo é palco de um duelo entre dois jovens mágicos, Marco e Celia. Então era para supostamente eles serem inimigos, mas não é isso que acontece porque todo mundo quer ter uma história à la Romeu e Julieta. Só que eles ainda não sabem do desfecho desse duelo e quais as consequências sérias que isso tem; não envolvendo apenas eles, mas o destino de todos do circo.

Lindo, encantador, beleza pura, mágico... são tantos adjetivos para esse livro que eu poderia ficar citando um por um e não acabaria essa resenha nunca (na verdade acabaria sim, pois meu vocabulário é muito fraco, sabe? q). Eu simplesmente adorei o livro, a história é divina e bem diferente, ou algum de vocês já viu um livro sobre um circo tão fantástico como esse? É uma coisa de louco gente, eu simplesmente adorei. Apesar da sinopse nos dar a ideia de que a história fica bem concentrada no casal principal, não é isso o que realmente acontece. É narrado em terceira pessoa e mostra o circo e todas as pessoas envolvidas nele com o passar dos anos. Achei um pouco confuso no começo, eu acho. Esse lance de ensinar essas magias loucas, eu duvidava um pouco, não sei, não conseguia imaginar todos os detalhes que a autora colocava no livro. Mas creio que foram esses detalhes complexos que deixaram o livro tão gostosinho de ler. Depois eu me acostumava com as denominações dadas por eles para certas coisas, dai ficou tudo na boa.

Ok, mas e porque dei então 4,5 e não a tão querida nota 5? Porque eu sou burra e sempre cometo os mesmo erros quando se trata de leitura. Eu imaginei finais para o livro. Digo, o final não foi ruim, foi um final bom, mas eu tinha um outro na minha cabeça, oras. E também achei que iam mostrar mais do circo nos dias atuais, queria saber onde eles estavam. Admito, eu iria ser uma rêveur (quem leu o livro sabe o que é) e vestiria aquele uniforme gracinha deles - pelo menos na minha imaginação era. Minha decepção maior é saber que nunca poderei comprar um ingresso para esse circo, igual colocaram na frase atrás do livro. Uma pena, uma pena. Porém, no futuro eu tenho fé que vão inventar uma máquina que nos coloque dentro do livro e nos tirem de lá a hora que a gente quiser. Eu tenho fé, talvez eu mesma invente (-not).

Ultimamente to gostando dos personagens que não são exatamente personagens. Nesse eu gostei de todos os personagens (aleluia irmãos!), mas o meu preferido foi o circo. Não me interessa se ele era só um tabuleiro para os dois mágicos duelarem. Pra mim, se não tivesse o circo, a história ia ser completamente sem graça. O circo é maravilhoso, tudo acontece por conta dele, as pessoas ficaram conectadas uma as outras por conta dele. Eu não consigo explicar a tamanha importância que ele tem. Adorei, sem mais. Os outros personagens (todos secundários, o circo é o principal -not) são uma gracinha também, tudo gente linda e doida. Marco é um amor, que mágico gracinha. Adoro o lance das árvores dele, apesar de não entender muuuuito bem. Celia era bonitinha também, gostei muito dela e suas mágicas, principalmente do vestido que ela usou numa ocasião e ele ficava da cor da roupa da pessoas que estava mais próxima dela. Que ideia genial, assim ficavam combinando. Adorei.

Super recomendo, acho que já deu para todos perceberem. Só, por tudo que é mais sagrado nesse mundo, não inventem finais para os livros na cabeça de vocês, isso não dá certo queridos. O Circo da Noite foi lançado aqui pela Intrínseca e, pelo que eu saiba, é um livro único. Não vou dizer que é uma pena, pois esse por si só já é ótimo.

15 comentários:

palavrasdeumlivro disse...

Tenho muita vontade de ler este livro desde que anunciaram o lançamentos dele porque ele fala sobre um circo (também amo circos), enfim, estou louca para ler este livro e a sua resenha me deixou mais ansiosa ainda, adoro livros mágicos. E eu amei a sua resenha e ri demais em algumas partes, principalmente nesta parte:
"Nunca fui porque eu gosto de circo que tenha artistas bons, não qualquer um, assim não tem graça."
Enfim, adorei a resenha e fiquei com ainda mais vontade de ler o livro, e de novo, amei a sua sinceridade.
Bjs

http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

samyra aquino disse...

Olá Vanessa!
Aleluia, estou de volta e nada melhor do que uma resenha maravilhosa para entrar no pique de comentários.
Confesso que circos não chamam minha atenção e tenho medo de não gostar do livro exatamente pelo fato de ser em um circo. :S Porém a história pareceu tão boa e incrível que até pensei em dar uma chance ao livro.
Circo é algo tão próximo da realidade que feitiços, mágica e tudo mais, não sei se conseguiria compreender, entende?
O trabalho da editora Intrínseca foi tão maravilhoso para com este livro que desperta muito a vontade do leitor de devorar essa belezinha.

Beijos,
Samy Aquino (@umalimonada)
http://samyaquino.blogspot.com

Gabis Morgante disse...

A história desse livro é interessante, e li várias críticas em aluns blogs. Mas como você meu ritmo de leituras tão muuuuito lento, e tenho medo do livro ser tornar maçante por causa da minha falta de tempo :/
Mas acredito que ele seja muito bom!

Beijos,

Gabi
Mundo Platônico
http://gabiiem.blogspot.com.br/

Aione Simões disse...

Que bom ver essa resenha mega positiva, ainda que raspando perto do 5! Vou ler esse livro esse mês ^^
Vou me lembrar de não ficar imaginando finais ;)
Beijão!

Julia G disse...

IUAhuaihIUA
Posso fazer um comentário desnecessário? hihi, acho que você não bate bem das bolas! E eu me mato de rir com essas suas resenhas que não são resenhas, como você chama às vezes.
Esse livro parece mesmo ser muito bom, e eu pelo menos não tenho problemas em relação a ficar inventando finais e me frustrando depois ;D

Beijinhos

Lu disse...

oi Vanessa,
li esse livro e gostei muito também. A história é bem mágica. ^^
beijos.

Bruna Campos disse...

Já li algumas outras resenhas do livro e todas elas me deixaram super animadas para ler, espero que eu possa comprar logo logo :)

http://sojustsmilee.blogspot.com.br

-ana vitória disse...

Só de ver a capa quis ter ele na minha estante (u-u)
ele ta na minha listinha com certeza!
Tem post novo no blog da uma olhadinha?
Beijos!
By My Self

Bárbara Murat disse...

Vanessa, pare de ficar imaginando os finais dos livros! HAUHAUHA.
Tenho muita vontade de ler esse livro; não muuuuuuuuita, mas tenho. Enfim.
Sua nota 4,5 aumentou minha vontade. :)

Beijos.

The Lazy Girls disse...

Ganhei esse livro de níver no domingo e já estava louca pra ler só pela capa (q é linda!) Mas depois dessa resenha...OMG Vanessa vc tá tentando me fazer furar minha fila de leitura é? Como pode fazer uma resenha tão boa assim? Q maldade rs

É muito bom ver sua empolgação!
Eu ri muito do Circo ter sido seu personagem favorito rs
Pois é criar finais na nossa cabeça é super desanimante pros finais reais rs
Vamos nos juntar e inventar essa maquina para entrar nos livro já!!!

Tem post novo lá no blog, quer ler?
http://falleninme.blogspot.com/ Desde já obrigada!

-PatyScarcella

@Flafli disse...

Oi Van! Essa é a primeira resenha que leio sobre este livro... já havia visto alguns blogs falando sobre ele mas não me animei em ler. Circo não é muito a minha praia... mas gostei de ler sua opinião sobre o livro... quem sabe dou uma chance algum dia...

beijo!
Flafli
www.flafli.com.br

Juliana disse...

hahahahaha VAN e sua mania de inventar finais. O que vc pensou, fiquei curiosa .-. hahahaha

Eu curti o final, achei que fechou bonitinho *-* "O circo chega sem aviso..." tive ataques histérico *-*

ENFIM.

Também acho o circo e melhor e maior personagem da trama <3

Foi um do melhores livros que li esse ano :D

Beijooo!

Ju
julianagiacobelli.com

Sora Seishin disse...

Oi Vanessa!
Eu não gosto de circo na vida "real", mas me interesso pelo assunto na literatura.
Esse livro parece ser muito legal! Mas o que mais me agradou na resenha foi saber que é livro único... MILAGRE, não é uma trilogia! :D

Beijos,
Sora - Meu Jardim de Livros

Thais Priscilla disse...

Estou louca pra ler esse livro.
Parece ser muito bom!

Beijocas,
Thais P.
http://thaypriscilla.blogspot.com

Raquel Machado disse...

Oi flor,
Huhauah mas como e que tu fica me adivinhando os finais...hauha...pois é pior que eu também faço isso as vezes e a gente acaba se desiludindo infelizmente. Sabe que nunca fui muito fã de circos mas acho que mais porque que nem voce disse eu sempre gostei de artistas mais artistas mesmo e isso é complicado ne.
Bjksss
Raquel Machado
Leitura Kriativa
http://leiturakriativa.blogspot.com/

 
Layout de Giovana Joris